Facebook Twitter LinkedIn Youtube Flickr
topo td_antigos

TD 0939 - Metodologia e Técnicas de Construção de Cenários Globais e Regionais

Sérgio C. Buarque / Brasília, fevereiro de 2003

Os estudos de cenários têm sido crescentemente utilizados na área de planejamento estratégico, tanto de grandes empresas quanto de governos, por oferecer um referencial de futuros alternativos em face dos quais decisões serão tomadas. À medida que aumentam as incertezas em quase todas as áreas de conhecimento, cresce também a necessidade de análise e reflexão sobre as perspectivas futuras da realidade em que se vive e diante da qual se planeja. As técnicas de cenários vêm conquistando rapidamente o cotidiano dos planejadores e dos decisores do mundo contemporâneo, apesar da percepção de que o futuro é algo incerto e indeterminado. Embora não possam eliminar incertezas nem definir categoricamente a trajetória futura da realidade estudada, as metodologias de construção de cenários contribuem para delimitar os espaços possíveis de evolução da realidade. Este trabalho procura apresentar uma proposta de metodologia para a construção de cenários, recuperando com isso a literatura contemporânea sobre o assunto e, ao mesmo tempo, sistematizando a experiência do autor em vários trabalhos técnicos de antecipação do futuro. Assim, tenta-se combinar uma reflexão conceitual sobre a incerteza e o planejamento com a demonstração de técnicas auxiliares na organização e na sistematização das informações. Embora, em princípio, a metodologia aqui apresentada possa ser utilizada para o estudo de diferentes objetos e cortes analíticos, a proposta volta-se mais diretamente para o planejamento regional, no qual foram feitas experiências bastante ricas no Brasil. Dessa forma, o presente estudo tenta sistematizar os métodos e as técnicas utilizados no planejamento governamental - para qualquer instância ou corte territorial -, mas destaca a aplicação deles para cenários regionais e microrregiões.

 

acesseAcesse o documento (647.21 Kb)           

 

Surplus Labor and Industrialization

 
 

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 2.5 Brasil.
Ipea - Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada
Expediente Portal Ipea