Facebook Twitter LinkedIn Youtube Flickr

Início » Notícias » Disoc


30/07/2019 14:30

Investimentos em infraestrutura e tecnologia são foco do ODS 9


O Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) divulgou o Caderno Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) 9 – O que mostra o retrato do Brasil?. A publicação apresenta um diagnóstico da situação do país em relação às metas do ODS 9, estabelecidas na Agenda 2030, que possui três pilares: construir infraestruturas resilientes, promover a industrialização inclusiva e sustentável, e fomentar a inovação. A ideia é mostrar o panorama brasileiro no que diz respeito às metas firmadas pela ONU quanto à inovação, à infraestrutura e às atividades econômicas.

Entre as metas do ODS 9 estão o aprimoramento do sistema viário no Brasil, com foco na sustentabilidade e na segurança no trânsito e no transporte; a promoção da atividade econômica inclusiva e sustentável e a atividade de alta complexidade tecnológica; o aumento do acesso das micro e pequenas empresas aos serviços financeiros; a modernização da infraestrutura, até 2030, e a reabilitação das atividades econômicas para torná-las sustentáveis; e o fortalecimento da pesquisa científica, com incentivo à inovação.

Os pesquisadores concluíram que, apesar de haver no Brasil programas e políticas que respaldam a implementação do nono objetivo, há desafios e dificuldades a serem superados. O principal deles, segundo o estudo, é garantir condições de investimentos em infraestrutura, além de disponibilizar recursos financeiros para ciência, tecnologia e inovação. Outro problema apontado pela pesquisa como uma dificuldade para o Brasil cumprir o nono ODS é a falta de articulação entre as políticas públicas e programas que facilitariam o crédito às micro e pequenas empresas, além da ausência de ações ambientais e de sustentabilidade nas políticas, planos e programas já existentes.

A publicação indica as principais políticas públicas e programas em andamento no Brasil que contribuirão para o alcance dos objetivos firmados. Um deles é o Plano Nacional de Logística, lançado em 2018, que indica quais são os investimentos e empreendimentos necessários para otimizar a infraestrutura de transporte do país até 2025, especialmente no que diz respeito ao transporte de cargas. No entanto, este é um exemplo de plano em que ainda é necessário aperfeiçoar o tratamento da questão da sustentabilidade ambiental.

Outras ações evidenciadas pelo estudo do Ipea estão a Estratégia Nacional de Ciência, Tecnologia e Inovação (ENCTI) 2016–2022, que estabelece diretrizes para investimentos e formação de profissionais em pesquisa e desenvolvimento (P&D) e visa aumentar o número de técnicos e pesquisadores desse segmento nas empresas brasileiras; Estratégia Brasileira para a Transformação Digital (E-Digital), coordenada pelo Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC); a Lei Geral de Proteção de Dados Pessoais; a implementação da Autoridade Nacional de Proteção de Dados; e a Lei Geral das Telecomunicações, em tramitação no Congresso Nacional.

Cadernos ODS
Os Cadernos ODS visam contribuir para o esforço nacional de implementação dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) no Brasil. São apresentadas as metas globais estabelecidas para cada um dos 17 ODS e as adequações propostas à realidade nacional. Também são analisados os indicadores necessários para monitorar sua implementação.

O compromisso para implementação dos ODS foi firmado por 193 países na Cúpula de Desenvolvimento Sustentável das Nações Unidas, em 2015. A chamada Agenda 2030 estabeleceu 17 objetivos globais, como erradicação da pobreza, acesso à água e saneamento, fontes limpas de energia e educação de qualidade.

Acesse o estudo completo

 
 

Todo o conteúdo deste site está publicado sob a Licença Creative Commons Atribuição 2.5 Brasil.
Ipea - Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada
Expediente Portal Ipea